segunda-feira, 12 de maio de 2008

Aprontei...

Hoje fiquei o dia inteiro se comer. À noite, fui ao shopping e comi uma empadinha e um pão de queijo. Tentei comprar um sapato, umas blusas e não encontrei nada. Não sei se foi por isso ou se foi por estar cansada, ou chateada porque me pesei na farmácia e deu 84,700, ou sei lá, mas eu decidi comer e chutei o balde.


Eu já sabia de antemão que ia vomitar, então extrapolei. Comi bife de contra filé com arroz, fritas, farofa e molho ã campanha. Estava delicioso. O bife mal passado, e morder e sangrar e uma fartura. Comi com 500ml de coca-diet e amei. Saboeiei cada pedaço. Foi o máximo!!! Depois ainda comi uma casquinh de baunilha e depois comprei 3 caixinhas de mentos teen(mas só comi 1). Também não comi a comid toda não. Comi o bife todo, claro, mas só metade da farofa, do arroz e da batata. Já refrigerante eu teria tomado 700 ml mole, mole.


Não fiquei com culpa depois que comi não, até porque eu sabia que iria vomitar. Reconheço que foi meio doido, mas não me arrependo, não. Foi bom demais.


Pois é, esses episódios bulímicos têm acontecido em pequena escala, nesses últimos dias de balão. Não que eu vomite por querer depois de comer, mas qdo eu sinto que vou vomitar, eu aproveito e chuto o balde. Das outras vezes foram 1 copo a mais de suco, um pedacinho de misto quente, mas hoje foi refeíção mesmo.


Depois que acabei de vomitar já estava com vontade de comer tudo de novo, claro. Mas eu não comi. Não comi mais nada e vou dormir.


Uma coisa chamou minha atenção: diferentemente de quando eu como a dieta prescrita pela médica, esse ao menos até depois de 1 hora de ter comido, não me deu mal estar não. E eu não senti a mínima vontade de vomitar. Arrotei um pouco sim, mas era o gosto da casquinha que vinha na boca, então não foi ruim.


Espero não fazer isso de novo. Não quero que isso se torne um hábito. Inclusive, pretendo procurar a psiquiatra assim que possível. Mesmo assim foi bom demias/


Ah, comer é tão bom...

Nenhum comentário: